Dra. Bianca Mateus

Endocrinologia na Taquara e Recreio dos Bandeirantes

O que é endocrinologia e os hormônios?

É um sistema de controle que regula as funções de todo o corpo através da produção de hormônios.  A maioria dos hormônios são produzidos e secretados por glândulas endócrinas específicas. Esses hormônios são transportados no sangue para todas as partes do corpo, causando reações diferentes.

Exemplos de hormônios: hormônios da tireoide (TSH, T4L), hormônios do pâncreas (insulina), hormônios da glândula hipófise (prolactina), hormônios das glândulas adrenais (adrenalina, noradrenalina, cortisol), hormônios dos ovários e testículos (estrogênio e testosterona), etc.

O que é metabolismo?

O metabolismo do organismo significa simplesmente as  reações químicas de todas as células do corpo, levando à produção de calor.  Alguns fatores afetam o nosso metabolismo, aumentando ou reduzindo a atividade das células, ou seja aumentando ou reduzindo o metabolismo, alguns exemplos:

EXERCÍCIO: O exercício intenso é o que causa o efeito mais notável sobre o metabolismo, podendo aumentar o metabolismo em cerca de 50x o normal em poucos segundos.

ALIMENTAÇÃO:  Após a ingestão de uma refeição, o metabolismo aumenta. Quando ingerimos carboidratos e gorduras, o metabolismo geralmente aumenta em apenas 4%. No entanto, uma refeição contendo grandes quantidades de proteínas, o metabolismo aumenta cerca de 30% e persiste por 3 a 12h elevado. Isso significa que a proteína traz mais saciedade e para completar ainda eleva consideravelmente o metabolismo, facilitando nas dietas para redução de peso corporal.

IDADE: O metabolismo de uma criança de pouca idade, em relação ao seu tamanho é 2x maior do que o da pessoa idosa. Com o passar da idade, ocorre um declínio do metabolismo em ambos os sexos, desde o nascimento até a velhice.

HORMÔNIOS: Os hormônios podem estimular, inibir, acelerar ou lentificar o metabolismo.

Exemplos de metabolismos: metabolismo dos lipídios (colesterol, triglicerídeos, LDL, HDL), metabolismo dos carboidratos (glicose), metabolismo ósseo, etc.

Qual o papel fundamental do médico endocrinologista?

O médico endocrinologista tem o papel  de identificar e tratar os distúrbios hormonais e do metabolismo como um todo, equilibrando suas funções, incentivando e orientando o paciente a melhorar sua qualidade e estilo de vida.

O que o médico endocrinologista trata?

  • Obesidade, Sobrepeso e Síndrome Metabólica
  • Gordura no Fígado (esteatose hepática)
  • Acompanhamento de pacientes submetidos a Cirurgia Bariátrica
  • Doenças da Tireóide: Hipotireoidismo, Hipertireoidismo, Nódulos da Tireóide, Câncer de Tireóide
  • Diabetes Mellitus Tipo 1 e tipo 2, Glicemias Alteradas
  • Alterações do colesterol, triglicerídeos, LDL, HDL (Dislipidemias)
  • Síndrome dos Ovários Policísticos
  • Investigação para aumento dos pelos corporais em mulheres
  • Osteoporose, osteopenia
  • Deficiência de Vitamina D
  • Hiperparatireoidismo
  • Distúrbios da Glândula Hipófise: Prolactina alta, Hipopituitarismo (baixa produção de hormônios da hipófise), Tumores da Hipófise (microadenomas, macroadenomas)
  • Doenças das Glândulas Adrenais (supra-renal): Incidentaloma de adrenal, Insuficiência Adrenal, Feocromocitoma, Síndrome de Cushing

 

Marque uma consulta e faça uma avaliação!